terça-feira, 1 de março de 2016

Resenha: O Filho de Netuno - Rick Riordan





O Filho de Netuno é o segundo livro da série "Os Heróis do Olimpo", e vai mostrar a jornada de Percy, Hazel e Frank.

Hazel é uma semideusa romana, filha de Plutão e que guarda um grande segredo sobre seu passado, é corajosa, inteligente e leal.





– Está bem, não precisa ser grosseiro – disse Percy. – Vamos. Eles subiram, Hazel à frente, Frank e Percy equilibrando-se precariamente atrás dela. Frank abraçou a cintura de Hazel, e ela pensou que, se esse fosse seu último dia na Terra, essa não seria uma maneira tão ruim de partir.



…Então ela o beijou , um beijo de verdade , nos lábios , muito melhor do que aquele tipo de beijo que ela havia dado em Percy no avião …

Frank também é romano, mas ainda não sabe quem é seu pai olimpiano - ele acredita que seja Apolo, pois, é muito bom com o arco e flecha. Seus colegas não o levam a sério porque ele é bem desastrado, tem o corpo musculoso e carinha de bebê. É leal aos amigos e também guarda um grande segredo.

Ninguém recebe a guerra de braços abertos… Não se for inteligente. Mas a guerra chega para todos, mais cedo ou mais tarde. É inevitável.

 A vida só é preciosa porque termina.



Percy Jackson já é conhecido pelos leitores do Rick Riordan, um semideus grego, filho do deus dos mares, Poseidon. Ele lutou na última guerra dos titãs e recusou o presente dos deuses - se tornar um imortal assim como eles. Porém, Percy não se lembra de nada disso, a única coisa da qual ele lembra é de um nome: ANNABETH.



Então pensou em Annabeth, a única parte da sua antiga vida que ele se lembrava, que tinha certeza. Ele tinha que encontrá-la.
Além disso ele ficou relutante em compartilhar sua única memória clara: o rosto de Annabeth, o cabelo loiro e os olhos cinzentos, o jeito que ela ria, atirando seus braços ao redor dele, e dando um beijo nele sempre que fazia algo estúpido. Ela deve ter me beijado muito, pensou Percy.

Desde que acordou na casa do lobo, Percy tem sido perseguido por vários monstros, teve de roubar carros e comida para sobreviver e a única coisa que o impulsiona a seguir em frente é a certeza de que Annabeth o aguarda no final de sua jornada.
Ele já estava cansado de matar as górgonas que o perseguiam, sempre que ele as matava demorava um tempo e elas voltavam. Até que ele viu dois adolescentes usando armaduras e guardando uma entrada que ele sentia que era segura, porém, no meio do caminho ele encontrou uma hippie maluca que pediu para que ele a carregasse e lhe disse que coisas perturbadoras aconteceriam se ele não o fizesse, Percy fez o que ela disse e finalmente conseguiu ajuda com aqueles dois adolescentes, tudo parecia correr bem até que a hippie se transformou em uma deusa gigante e ele teve certeza de que sua jornada estava apenas começando.

A princípio, quando o vira cambaleando pela estrada, carregando a velha nos braços, Hazel pensara que ele pudesse ser um deus disfarçado. Embora estivesse estropiado, sujo e curvado de exaustão, ele tinha uma aura de poder. Era belo como um deus romano, com os olhos verdes cor de mar e cabelos negros despenteados.



Depois de esperar muito no primeiro livro o Percy finalmente apareceu *--*, e o Nico também, a Hazel e o Frank são ótimos amigos para o Percy, seus segredos são bem interessantes. Os 3 são corajosos e conseguem fazer com que a Quinta Corte - casa à qual eles pertenciam - seja respeitada novamente. O livro como sempre é maravilhoso, divertido e engraçado.
Layout por Maryana Sales - Tecnologia Blogger