terça-feira, 8 de março de 2016

Resenha: A Mais Pura Verdade - Dan Gemeinhart


A Mais Pura Verdade conta a história de Mark, um garoto de 12 anos, que parte em busca de seu sonho: escalar uma montanha. Com apenas alguns equipamentos, um pouco de dinheiro e seu cãozinho Beau, Mark embarca em uma aventura memorável, cheia de surpresas e aprendizado.


— Sei. Você tira muitas fotos?
— Sim, eu gosto.
— Por quê?
Dei de ombros.
— Sei lá. Acho que eu gosto… Eu gosto… Do sentimento de captar alguma coisa.
De guardar alguma coisa.
Olhei da janela para as árvores, placas e casas de estranhos que passaram rapidamente. Então continue:
— É como se, sei lá, eu levasse um pedaço de vida comigo. Todas essas coisas acontecem, todos esses pequenos momentos passam por nós e vão embora. Então você vai embora — inspirei profundamente e expirei no vidro da janela — Mas, quando você tira uma foto, aquele momento não passa. Você o prende. É seu. Você pode guardá-lo.

Alternando-se entre Mark e Jess - a melhor amiga dele -, o livro nos mostra como a decisão de Mark de fugir está afetando cada um dos membros de sua família. Vamos entendendo melhor sobre a doença dele e sobre o seu sonho, seu desejo de trilhar o próprio caminho e de mostrar a todos que ele também pode ser um herói.


Viver com medo não é jeito de se viver.
 Agora era a minha vez. Minha vez de viver uma vida linda e corajosa. Minha vez de viver, até o dia que eu morrer.

Ao longo da narrativa vamos nos apegando cada vez mais a Mark , e sofremos junto com ele, nós vemos o que ele enfrenta para realizar seu sonho, vemos como seu cãozinho, Beau, lhe é fiel até mesmo nos piores momentos e nos apaixonamos pelo Beau - afinal, tem como não amar um cãozinho, gente? O livro trata de um tema não muito comentado de uma forma leve e maravilhosa, além de nos mostrar o quanto uma relação entre uma pessoa e um cãozinho pode ser forte o suficiente para que eles façam tudo um pelo outro - inclusive arriscar a própria vida. Não vou mentir, amo animais, principalmente cães, pois sei que na maioria das vezes eles são muito mais fiéis do que qualquer ser humano que você possa encontrar em seu caminho, e por isso amei tanto o Beau. Super recomendo esse livro e espero que vocês gostem dele tanto quanto eu gostei. 😊


Como ajudar quando ajudar e ferir são a mesma coisa?


   Mesmo a muitos quilômetros de distância, um amigo ainda pode segurar sua mão e estar ao seu lado.
Layout por Maryana Sales - Tecnologia Blogger