domingo, 6 de setembro de 2015

Eu li, amei e recomendo! Carina Rissi.

Hoje após pensar um pouco decidi fazer a indicação de uma autora que conheci a pouco, mas que ganhou minha admiração. Além de ser 100% brasileira, seus livros são bens escritos, engraçados e românticos. Carina Rissi é uma das queridinhas nacionais. Pra que não conhece, corre aqui pra saber um pouco mais dela.


Biografia:

É uma leitora voraz, sempre lê a última página de um livro antes de comprá-lo e tem um fascínio inexplicável pelo tema “amores impossíveis”. Vê nas obras de Jane Austen uma fonte de inspiração.
Quando se desgruda dos livros – tanto dos que lê quanto dos que escreve –, Carina se diverte assistindo a comédias românticas ao lado da família e planejando viagens a lugares exóticos que não conhecerá tão cedo, devido ao seu pavor de avião.

Ela nasceu em Ariranha, interior de São Paulo, onde mora atualmente com o marido e a filha, após ter vivido uma curta temporada na capital paulista.

É autora de Perdida, Encontrada, Procura-se um marido e No mundo da Luna, lançados com grande sucesso pela Verus e que a tornaram conhecida em todo o país.

Fonte: http://perdidaolivro.blogspot.com.br/p/biografia.html

Tirei as informações do próprio site da autora. E pelo que li, ela mesma que escreve por la. Achei isso bem legal.

Como dito a cima, suas obras são:

  • Perdida (que já vai virar filme)
  • Encontrada
  • Destino (acabou de ser lançado)
  • No mundo da Luna
  • Procura-se um marido



Trecho de PERDIDA:

“Ian era diferente dos caras que eu conhecia, sempre tão educado e atencioso. Mas assim eram todos os homens daquele século. Alguma coisa naqueles olhos escuros me fizeram confiar nele, aceitar sua ajuda, querer falar com ele e... querer tocá-lo de forma nada educada! Um tremendo erro! Um erro que depois me machucaria muito. Precisaria ser cuidadosa e evitar ficar sozinha com Ian. E precisaria, acima de tudo, manter minhas mãos bem longe dele!”

Treco de PROCURA-SE UM MARIDO:


“Ele me encarava de volta, o queixo trincado, a respiração pesada. Eu estava decidida a não arredar pé. Dessa vez não desviaria os olhos por nada, embora meu coração batesse rápido e descompassado por causa do desafio. Max ergueu a mão para... me tocar? Endireitei os ombros, esperando... pelo que eu não sabia. Contudo, ele soltou o braço e recuou, parecendo constrangido, me deixando um pouco decepcionada – por quê, eu também não sabia.”


Depois farei resenhas desses lindo e emocionantes livros. Mas pra quem ainda não leu, não perca tempo, leia e se delicie com esses romances habilmente escritos. Carina é nacional gente! E merece muito mais sucesso. Vamos prestigiar nossa literatura. Carina, parabéns pelos seus livros. Leitores, vamos ler??



Layout por Maryana Sales - Tecnologia Blogger