sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Resenha: O Doador de Memórias - Lois Lowry


Autor: Lois Lowry
Ano: 2014
Páginas: 194
Editora: Arqueiro
Adicionado: Skoob

Sinopse: Lois Lowry constrói um mundo aparentemente ideal onde não existe dor, desigualdade, guerra, nem qualquer tipo de conflito. Por outro lado, também não existe amor, desejo ou alegria genuína. Os habitantes da pequena comunidade, satisfeitos com suas vidas ordenadas, pacatas e estáveis, conhecem apenas o agora - o passado e todas as lembranças do antigo mundo foram apagados de suas mentes. Quando cada individuo chega em sua fase adulta, são escolhidos para que venham a exercer as profissões certas.
Enquanto seu pai trabalha com crianças, e sua mãe com a lei - profissões comuns entre eles - Jonas é mandado para a tarefa mais importante, porém mais dificil de ser feita, que é ser um recebedor de memórias. Ele juntamente então de seu doador, passam a se conhecer melhor, e juntos descobrem um mundo extraordinário e que lhes fora roubado. Uma trama com muitos segredos a serem revelados, e um futuro maravilhoso, que não está tão longe deles assim.


Resenha: Eu, como uma leitora assídua, pela primeira vez, preferi o filme ao livro; não que sejam ruins, mas com o filme você consegue ter uma visão mais nítida do que realmente está acontecendo, você consegue ver tudo o que todos veem, e tudo o que apenas Jonas vê.

Através de imagens simples, percebemos o quanto nossos sentimentos e palavras como "eu te amo", são importantes, do quanto necessitamos estar cientes de nossos atos; e quando Jonas percebe que há algo de muito errado acontecendo, ele luta por isso, e passa por cima de todos , inclusive de seus familiares, em busca de salvar um povo que está em decadência, e quase que arruinado por completo.

Tanto o filme, quanto o livro, são formidáveis, o enredo em si te faz refletir em como tudo o que fazemos ao nosso redor é monótono; o simples piscar de olhos, o zumbido de uma abelha, até um forte sentimento de ódio ou amor. E o ponto principal de tudo, é que nos faz refletir se estamos ou não dando o devido valor a tudo o que temos até agora, e, principalmente, a nossa vida que é o bem mais precioso que temos.

Layout por Maryana Sales - Tecnologia Blogger